terça-feira, 8 de fevereiro de 2011

Homens D40




Eu sei que este é o segundo texto em menos de quinze dias em que falo de uma situação que notei num bar e sei também que no próximo contarei algo que acontecerá na minha entrada para o “Alcoólatras Anônimos” – NÃO PERCA! Raráh, só Jesus salva!

Mas... Em um bar com uma amiga no final de semana percebi que lugares em que a especialidade é prato “a la carte” na hora do almoço e cerveja gelada após as três da tarde, os especialistas que frequentam esse habitat são os homens de 40. Daí pra cima. Os solteiros. E as barrigas, em geral, daí pra maiores.

Estes homens D40 usam camisetas polo com estampas em duas cores, com um “X” ou uma faixa transversal que divide as cores e um “brasão” costurado à esquerda ou à direita do peito. Reconhece uma dessas? Pois é. Usando bermudas ou calças jeans, mas sempre com sapatênis ou tênis sem meia – regra! – outro acessório dos homens D40 são meninas D20.

As conversas são apenas entre eles. As meninas... Quais meninas? Essas sorriem e fingem estar interessadas no assunto, sempre olhando para esses homens com olhar de “isso mesmo, meu amor, você é mesmo PHODÃO!” – piscadinha com o olho ;)

É desesperador. E elas também são padrões. Loiras com raízes escuras até as pontas das orelhas e com óculos escuros CHUMBADOS na cara, não importa o quanto esteja sem luz no lugar.

Em poucas horas, percebi o exercício desses homens D40: exibicionismo – faça uma pose! – VOGUE! Eles já sabem o que querem pra vida e pouco importa a vagina que os acompanha – que muda de tempos em tempos. O lance deles é com eles. É narcisismo. “Lifestyle” – para os leitores que o blog reúne em Nova Orleans – um estilo de vida que não muda POR-NA-DA!

Bem sucedidos e “mal resolvidos”. Parecem colecionar meia dúzia de relacionamentos em que foram pisoteados ou talvez que os apoiaram até o sucesso financeiro e depois disso: “seremos sempre eu e meu super carro, com minhas manias, indo pras baladas com uísque e ‘catando’ todas”.

E para premiar esse texto, conto que a amiga da minha amiga – ambas meninas D20 –, que estava na mesa conosco, viu seu ex homem D40 rodeado de outros como ele e de espécies de Grazi Massafera depois da Dengue Hemorrágica.


Conto que o também ex D40 da minha amiga passou em frente ao bar em seu possante carro enorme com outra menina D20 apenas algumas semanas depois de dizer a ela “não sei como você aguentou até agora” – logo após ela terminar com esse homem D40, algo que ele nunca quis chamar de namoro.

* Agradecimento especial ao Marcelo Daltro (http://marcelodaltro.blogspot.com/) que MAIS UMA VEZ desenhou a imagem  do post especialmente para o texto do VJ. MUUUITO OBRIGADO, Marcelo!

15 comentários:

Raphaela Farizatto disse...

Eu acho ridiculo, esses homens D40 que acham que são um maximo. Na verdade são uns merdas.
Sem contar essas garotinhas que não tem nada na cabeça e fica atras deles achando que estão podendo, na verdade estão ridiculas.
Gostei do texto má...kkkkk

Francisco Silva disse...

Matheus, independente de como as pessoas pensam ou agem, elas sempre devem buscar a sua felicidade, o seu prazer em viver. Se os homens D40 são felizes com as meninas D20, sorte deles. Penso que não devemos julgar ninguém pelo comportamento, mais sim, por aquilo que são.

Ótimo texto, beijos.

Rute disse...

Matheus complicado esses homens que agem como adolescents, e mais complicado ainda as meninas que se sentem "the best" com eles.
Mas sou da seguinte opinião
Se a pessoa está realizada com o momento que vive.
Segue em frente independente de ter D40 ou D20.

Já pensou em escrever seus textos em artigos da net?
Seria interessante hein?

Sem encher sua bola, são poucos blogueiros que conseguem escrever claro e objetivo nas linhas transcritas que quer passar, e vc , passa isso de maneira gostosa de ler o texto

Não é para estourar não.
Foi só um comentário Básico, kkkkkkkkkkkk
Concordo com o que o Francisco falou acima.
Beijos

juliana disse...

Adorei o texto. Nossa esse tipo de relacionamento, (se é que podemos chamar de relacionamento,rsrs) eu detesto vc sabe né? rsrs
mas é o que mais se ve hoje em dia, e na boa não sei qual a graça nisso, vc sair com um "titio" pra balada, Aff niguem merece né,rsrs. Mas cada um faz sua escolha.

Matheus Farizatto disse...

Muito bem, Chicão. Bom argumento hehe. Concordo que o que vale é ser feliz! O texto é apenas uma visão sobre alguns "padrões".

A Rafa já DETONOU com TUDO! Hehehe.

E, Rute, fica tranquila que do chão eu não saio rsrs. Mas nunca pensei em fazer dessa forma. Qual seria o caminho? Estamos aí! Opa!

Fico sempre muito feliz em ver a galera interagindo assim. Pra mim, é o maior combustível pra escrever sempre!

Valeu, vocês três!
Três beijos!

Matheus Farizatto disse...

Xiii... o comentário da JU chegou no meio tempo que postava o anterior hehehe.

Portanto, MAIS UM BJO!
E eu sei BEM como vc detesta isso, Ju.

;)

PIMENTA E POESIA disse...

Fioti, dei boas risadas com esse texto! Obrigada por isso, amo as pessoas que me fazem rir! Faço amizade até com o entregador de gás, se ele me contar uma boa piada rsrsrs. Olha, fiotinho, sou casada com um homem 7 anos mais jovem, por isso sou a favor de mulheres mais velhas com homens mais novos....o que vc tem a dizer sobre? Adoraria ler! Beijão e Deus te abençoe. (mãe abençoa o filho,forever...)

Rute disse...

É Matheus depois volto aqui para ler a sua resposta a moça acima.

Mas aqui vai o link http://www.webartigos.com/

Continue postando no blog e o texto que vc achar que ficou legal ou teve uma repercursão bacana por parte dos leitores, vc posta no artigo.

Quando cursava pós-graduação, sempre postava textos nos artigos.
É uma forma de divulgar textos próprios cronicas ou pensamento na net, que é uma ferramenta ótima para divulgar qualquer coisa que vc tenha nela. Seja blog ou outra ferramenta.
Não sei se vc, acompanha meu blog(acho que nÃO), dificilmente lhe vejo lá, TÁ LOUCO HEIN? TDST..TST..TST..

Mas voltando as quartas-feiras eu respondo perguntas ou dúvidas, e a maioria das vezes os e-mails, que chegam até a mim, é por causa de artigos ou alguém comentou sob blog
Uma maneira legal de divulgar o que vc pensa, críticas, e sugestãos, alías estamos em um pais de livre expressão de escrita, então.....

Deixo como sugestão...
Já divulguei para amigos também,sobre o link de artigos e muitos escrevem lá. Acho bacana quando leio texto da forma que vc escreve.
Beijos

Beta disse...

É Matheus...
No centro do Rio tem muito disso pelos bares e happyhour da vida...
O mais engraçado são uns que gastam o que tem e o que não tem com estas meninas e depois vão para casa sozinhos...rs

bj

Matheus Farizatto disse...

Poxa, Rute, muuuito obrigado pela indicação do site de artigos. Darei uma olhada e com certeza enviarei algo! Thanks!

"Bênçá", mãe! Que bom que se divertiu. Eu fico muito feliz!
Sobre a mulher ser mais velha que o homem, não vejo receita melhor. Escreverei sobre isso. Aguarde ;)

E Beta, isso acontece mesmo aos montes. E ainda tem cara que enche a boca pra dizer que "curtiu com a mulherada no bar" – mesmo indo pra casa e ficando com os sites pornôs rarrarrarrááá!

BeijAçOOuuuLLsss!

Rodrigo Ziviani disse...

Má, o público desse bar, pelo visto, tem um perfil específico. Se esse público é feliz ou frustrado se comportando assim, difícil saber. Prefiro não julgar. Cada um tem a sua dose de felicidade e frustração, seja lá qual for a idade e o estilo de vida. Não me identifico com essa turma. Mas cada um na sua, né?
Bjo.

Matheus Farizatto disse...

Oi, Ro! Pois é, cada um com suas "doses". Mas foi muito curioso ver tudo isso. E EU CURTO DEMAIS hehe. RENDE!

De qualquer forma, também não me identifico nem com os D20 dessa turma. Mas é isso mesmo, "cada um na sua".

O que importa é ser feliz e amar muito, né? Hehehe.

Um bjo.

Livia disse...

Bom, eu sou suspeitíssima para falar já que peguei o Rafa "pra criar" né... Mas aí vai uma questão que me intriga: As jovens mocinhas se relacionam com os quarentões, muitíssimas vezes alegando que eles passam mais segurança e maturidade, daí os "felizardos" (oi?)váo lá e se comportam como rapazinhos de 18,19 anos...Alguém explica?? Eu não dou conta hahahaha.
Bjinhuss Má!

Amanda Goulart disse...

Ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;;kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Por isso q te amo. vc me entende!!!!!!!!!!!!!!!!

Bjos

Patricia Daltro disse...

Ri muito com seu texto! Não descreveria melhor esses homens e as mulheres que os acompanham! kkkkkkkkkkk